quinta-feira, 14 de abril de 2011

Procedimentos

«O que me transtorna é ser informado que uma novidade como Menos por Menos, de Pedro Mexia, está esgotada. Então, senhores, em que ficamos? Não é este um país de reduzidíssimos hábitos de leitura? Não é a poesia, a par do teatro, o género que menos vende, e que em breve estará confinado a edições de 50 exemplares? Não estamos nós mergulhados numa enorme crise?»

Mas vale a pena ler o texto completo AQUI.

Sem comentários:

Enviar um comentário