quarta-feira, 2 de novembro de 2011

«Devemos lembrar que a indústria do livro é feita de pessoas, que publicam e lêem, têm sentimentos e emoções.»

«Penso ainda que os governos devem ver as livrarias como um ganho cultural para a comunidade. É essencial manter livrarias de portas abertas nas principais artérias das cidades. Fazem parte do tecido económico e social das principais zonas das cidades, tal como outras lojas.»

J
ohn McNamee, presidente da Federação Europeia de Livreiros.

Sem comentários:

Enviar um comentário