sábado, 25 de maio de 2013

«Sou filho da Mãe Terra e da Leitura»


Que bela a sessão de leitura de poemas de 
Resendes Ventura | Manuel Medeiros | Livreiro Velho 
esta tarde na Sala José Afonso da Casa da Cultura, em Setúbal!

«Sou filho da Mãe Terra e da Leitura / e enquanto passa a vida que me resta / agasalho quem sou / nesta manta que são os livros dando / a luz e o calor da inteligência / com que vou em perder minha existência.», Papel a Mais (excerto de poema).

Sem comentários:

Enviar um comentário